Lançamentos

É o fim? Dragon Age The Veilguard não permite importar o save

Triste notícia para os fãs que acreditavam que a história de Dragon Age Inquisition tivesse uma continuação.

Alterações na Importação de Saves em Dragon Age: The Veilguard

A famosa franquia Dragon Age da BioWare sempre se destacou por permitir que os jogadores importassem suas escolhas de jogos anteriores.

Inicialmente, os jogadores podiam importar diretamente seus saves, e com o tempo, a empresa introduziu o Dragon Age Keep, uma ferramenta que possibilitava a criação de um save personalizado para transferência.

Com o lançamento de Dragon Age: The Veilguard, a BioWare está mudando essa abordagem. Em vez de importar saves ou utilizar o Dragon Age Keep, os jogadores poderão selecionar as escolhas que fizeram nos jogos anteriores durante a criação do personagem.

Isso é bom pois escolhas que desencadearam finais ruins podem ser alteradas, porém, você pode não se lembrar de todas as escolhas, ao menos das principais, e acabar iniciando um jogo diferente.

E cai entre nós que colocar todas as escolhas manualmente pode ser chato, mas… o que podemos fazer né?

Motivos para a Mudança na Importação de Saves

A diretora Corinne Busche explicou que a tecnologia atual dificulta a importação de saves antigos, o que motivou a mudança.

Além disso, o estúdio quer evitar que novos jogadores se sintam prejudicados por decisões anteriores que não participaram. “Já se passaram 10 anos desde que os jogadores jogaram.

Eles podem não se lembrar [do que fizeram nos jogos anteriores]. Eles podem precisar dessa atualização e não queremos que os novos jogadores sintam que estão perdendo essas decisões,” afirmou Busche.

No criador de personagens, os jogadores poderão revisitar seu passado através de cartas de tarô, entendendo o contexto e as decisões a serem tomadas.

Romances e Interações com Companheiros

Outra novidade interessante é a abordagem dos romances em Dragon Age: The Veilguard. Seguindo o modelo de Dragon Age 2, será possível se envolver romanticamente com qualquer um dos companheiros, independentemente de sexo ou raça.

No entanto, os personagens não são ‘playersexuais’, ou seja, eles não estão simplesmente esperando um romance por parte do jogador.

Se o jogador optar por não perseguir um relacionamento, os companheiros podem desenvolver relacionamentos entre si.

A diretora enfatiza que o jogo terá cenas picantes, com nudez e cenas de sexo variadas, refletindo as personalidades distintas de cada companheiro.

“Alguns deles são mais apimentados que outros. Assim como na vida real, nossos companheiros têm personalidades tão diversas.

Alguns deles são mais físicos, mais agressivos, e alguns deles são mais… temos um gentil necromante, por exemplo, que é mais íntimo e sensual,” explicou Busche.

Lançamento e Plataformas Disponíveis

Dragon Age: The Veilguard está programado para ser lançado no final de 2024 para PC, PlayStation 5 e Xbox Series X|S.

A expectativa é alta, e os fãs da franquia estão ansiosos para explorar as novas mecânicas e histórias que o jogo trará.

Fonte
IGN
Mostrar mais

Daniel alves

Redator profissional desde 2019, e estudante de Marketing, faço a criação de conteúdo para redes sociais sobre diversos assuntos, aqui, amo games desde que me conheço por gente, RPG, um cafezinho, e um rock pra mim é tudo.
0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
Botão Voltar ao topo